Sócrates e Bagão

Ontem fingi que não vivia em Portugal. Acompanhei o debate sobre o estado da nação na AR e fiquei a saber que se vive muito bem no país de Socrates. A oposição usa sempre a mesma cassete e o governo tem realizado uma política fantástica, na educação, na saúde, no plano económico e social. Portugal nunca esteve tão bem.

Agora até vai dar mais dinheiro no abono de família. Segundo Sócrates, 32 mil famílias deverão passar a receber o montante máximo do abono, por se situarem nos escalões com rendimentos por agregado familiar mais baixos. Juntando estas famílias com as que não têm filhos ou já não têm idade para receber o abono, depressa percebemos que existem muitas famílias carenciadas em Portugal. Somamos agora os reformados. E mais uma fatia dos desempregados. Qual será afinal o número de portugueses que vive com extremas dificuldades?

Desliguei o rádio com Sócrates a dizer que Portugal vai no bom caminho, e então pensei, qual será o meu caminho e o caminho dos meus dois filhos de dois e oito anos a quem Bagão Felix retirou o Abono de Família?

O meu não sei, mas o caminho do Filipe e do João será deixar Portugal. Farei tudo para que isso aconteça. José Saramago tem razão! 

fafe.jpg

2 comments

  1. É verdade, ouvi essa malta dá vontade de fingir que vivemos na Europa. Sobre este rasgo de política cuidadosamente planeada pelo PM, escorreguei para a brincadeira, que publiquei no Fliscorno.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s